logo

20 e 21 de outubro

Campinas – SP

Empresas, instituições de pesquisa e poder público articulados e integrados na promoção da inovação e do desenvolvimento regional.

20 de outubro

Quinta-feira

Das 8h às 17h30

21 de outubro

Sexta-feira

Das 8h30 às 17h20

Dois dias repletos de oportunidades de negócios reunindo grandes empresas, startups e instituições de pesquisa. Debates sobre ações estratégicas, que visam à criação de políticas públicas voltadas ao fortalecimento da economia, do conhecimento e do habitat de inovação, criatividade e competitividade na região de Campinas

Auditório e Hall do Instituto Agronômico de Campinas

Avenida Barão de Itapura, 1.481

Botafogo – Campinas, SP

CEP 13020-902

Público-alvo: Empresários, investidores, executivos e dirigentes do parque industrial da região de Campinas e de todo o Brasil e exterior. Dirigentes públicos de todos os níveis: professores, pesquisadores, técnicos e alunos. Jornalistas da imprensa pública e especializada no Sistema Nacional de Inovação.

Programação

20 de Outubro
Auditório principal Hall de entrada
8h Credenciamento e Welcome Coffee Exposição: Tecnologias e startups
9h Abertura Solene
Tema da manhã: Conhecimento, Inovação e o Impacto no Desenvolvimento Regional
10h Região Empreendedora e Desenvolvimento Territorial: evidências do Reino Unido, com BEN FISCHER – Newcastle University
10h45 Universidades e Estratégias de Inovação Regional: o caso Europeu – LOUISE KEMPTON – Newcastle University
11h30 Políticas de Ciência, Tecnologia e Inovação e Desenvolvimento Regional: um panorama do Brasil – MARIANO LAPLANE – MCTI/Unicamp
12h15 Perguntas e Respostas
12h30 Almoço
Tema da tarde: A dinâmica Territorial como suporte à competitividade e à transformação socioeconômica
14h Território, Políticas governamentais para inovação e relacionamento universidade-empresa:  o caso da Espanha – JOSÉ GINES MORA RUIZ – Oxford University
14h45 Regiões funcionalmente urbanas e habitats de inovação: tendências em âmbito internacional e a Região Metropolitana de Campinas
ROBERTO MILWARD SPOLIDORO -Neolog
15h30 Coffee Break
15h50 A primeira social smart city do mundo
ANTONELLA MARZI – ReCS Architects
16h35 Parque Tecnológico como ferramenta de desenvolvimento: a experiência de Portugal em biotecnologia
CARLOS FARO – Universidade de Coimbra
17h20 Perguntas e Respostas
21 de Outubro
Auditório principal Hall de entrada
8h Credenciamento Exposição: Tecnologias e startups
9h Keynote: ALESSANDRO BOMFIM, CEO da SAGA. Da adversidade ao sucesso: a força de um sonho
10h Coffee Break
10h15 Lançamento do Prêmio Nacional Startups – MARINA KHATTAR DE GODOY e FERNANDO G. TEIXEIRA – Rede Anhanguera de Comunicação
11h05 Acontece nas melhores famílias: Como o Processo Sucessório pode impulsionar a inovação em empresas tradicionais.- JOSÉ MARIA PUGAS FILHO – Agripa Innovation Lab
12h Oportunidades de financiamento e apoio para promover a inovação.  MILTON LUIZ DE MELO SANTOS –  DESENVOLVE SP
12h40 Almoço
14h Mesa Anpei
15h15 Coffee Break
15h30 Movimento 100 Open Startups: Pitch Day
18h30 Encerramento

Exposição

Mais de 30 instituições de pesquisa e startups vão expor seus produtos e tecnologias.

Startups
logo-incamp
campinasstartups
cybox
fawke-3-300x200
bioxthica
s-distribuidora-2
holi
inovafi
Instituições de Pesquisa
unicamp
embrapa
puc-campinas
iac
agemcamp
cati
logo
inovasp
cnpem
cpqd
cti
ital
eldorado
iz
Parques Tecnológicos
ctitec
pctu
technopark
ciatec
polis

Notícias

Conheça os palestrantes

alessandro-bomfim

Alessandro Bomfim, fundador e CEO da SAGA

Empreendedor na área de Computação Gráfica e no setor educacional. CEO da SAGA (School of Game and Animation). Um homem de negócios que se preocupa em antecipar as necessidades e desejos dos consumidores. Faz negócios para ajudar pessoas a realizarem seus sonhos.

Especialidades: Business Development, Marketing, Estratégia, Alianças Internacionais, Indústria de Games, Cursos e Treinamentos para Jovens em 3D, Computação Gráfica, Entretenimento Gráfico e Digital. Responsável pelo conceito e criação da primeira Escola Internacional de artes e games na América Latina.

foto_louise

Louise Kempton, Pesquisadora na Universidade de Newcastle

Pesquisadora do Centro para Estudos de Desenvolvimento Urbano e Regional (do inglês, Centre for Urban and Regional Development Studies – CURDS). Atualmente seu trabalho é focado em contribuir através de pesquisa e desenvolvimento de políticas para a formação do reconhecimento crescente do papel das universidades como instituições “âncora” no crescimento econômico local / regional e na inovação.

foto_ben-fisher

Ben Fisher, Gerente de Desenvolvimento de Negócios na Universidade de Newcastle

Profissional das áreas de inovação e de desenvolvimento econômico e de negócios, com experiência em estimular atividades de pesquisa, tecnologia e inovação, gerando oportunidades de negócios entre empresas e parceiros.

foto_spolidoro

Roberto Spolidoro, CEO na NEOLOG Consultores Ltda

Atua desde os anos noventa na concepção e implementação de Habitats de Inovação. Dentre as iniciativas assistidas, destacam-se no Brasil o Parque Tecnológico Capital Digital em Brasília, o Petrópolis Tecnópolis no Rio de Janeiro, o PROETA, Sistema EMBRAPA Incubação de Empresas, e o Sistema Incubação Petrobras. Na Argentina, o Parque Tecnológico do Polo de Informática Buenos Aires e no Peru, a Incubadora de Empresas INACTEL Lima.

foto-mariano-f-laplane

Mariano Francisco Laplane – MCTI / Unicamp

Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Hebraica de Jerusalém (1980), mestrado em Master of City Planning – University of California at Berkeley (1982) e doutorado em Ciência Econômica pela Universidade Estadual de Campinas (1992). Atualmente é Diretor do Instituto de Economia da Universidade Estadual de Campinas. Tem experiência na área de Economia, com ênfase em Organização Industrial e Estudos Industriais, atuando principalmente nos seguintes temas: competitividade industrial, política industrial e de inovação, Mercosul, integração econômica, investimento direto estrangeiro e indústria automobilística.

Sobre o Inova Campinas

O Inova Campinas foi realizado pela primeira vez em 2012 por meio de uma ação conjunta entre a Fundação Fórum Campinas Inovadora (FFCI) e a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Governo do Estado de São Paulo, com o especial apoio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Social da Prefeitura Municipal de Campinas e das mais importantes entidades promotoras de inovação tecnológica, empreendedorismo e desenvolvimento econômico regional, estadual e nacional.

Em 2014, o Inova Campinas teve o tema “Universidades e Desenvolvimento Regional: As Bases Para a Inovação Competitiva” e foi uma realização conjunta da FFCI e da Unicamp, por meio da reitoria e de seu Instituto de Economia. A iniciativa contou com o apoio de importantes instituições, como a Fapesp, a Petrobrás, o Banco do Brasil, a Prefeitura Municipal de Campinas, a Companhia do Polo de Alta Tecnologia de Campinas, a Agência de Inovação da Unicamp, o Ministério da Integração Nacional, o Governo do Estado de São Paulo, o CIESP-Campinas, entre outras.

A construção de um futuro para a Região Metropolitana de Campinas, alicerçado no desenvolvimento integrado, sustentável e socialmente justo, dependerá do investimento em competitividade e da capacidade de responder às questões sociais e ambientais envolvidas neste processo. Assim, o Inova Campinas 2016 busca contribuir com a articulação de setores e de políticas que tenham objetivos claros de desenvolvimento sustentável e que buscam implantar instrumentos decisórios e de gestão inteligente, visando envolver os stakeholders de forma prática e efetiva.

inova-177
inovacampinas197

Inscrições

Preencha o cadastro para realizar sua inscrição. As inscrições são gratuitas.

*(todos os campos são obrigatórios)

Realização

ffc1-300x253
unicamp

Patrocínio

pmc
desenvolve
fapesp
terrasbarao

Apoio

iac
gruporac
v8
lide_campinas
inova
ciesp-campinas
logo-crcvb
campinasstartups
logo-incamp
ima
anpei

Sobre a Fundação Fórum Campinas Inovadora

A Fundação Fórum Campinas Inovadora (FFCi) foi instituída em abril de 2002 pelos dirigentes de onze dos principais institutos de pesquisa científica e tecnológica e de desenvolvimento do país presentes na região de Campinas, incluindo a PUC-Campinas e a Unicamp. Seu objetivo é evidenciar o potencial científico e tecnológico da região de Campinas, promover o desenvolvimento sustentável, intensificar a utilização do conhecimento para aumentar a competitividade da indústria e destacar a importância do Polo de Alta Tecnologia de Campinas e região, consolidando-a como Região do Conhecimento.

Conheça as instituições que compõem a FFCi:

membrosffci